NOTÍCIA

Liceu Jardim é convidado para participar do Stanford Pre-Collegiate Studies
Publicado em 11/06/19 por Depto. de Marketing

A equipe da Área Internacional do Liceu Jardim conquistou mais uma importante e inédita parceria que trará inúmeros benefícios aos nossos alunos: a escola foi convidada pela Stanford University, em parceria com a EduExplora, para participar do “Stanford Pre-Collegiate Studies”.

O programa, destinado aos estudantes do 6º ano do Ensino Fundamental ao Ensino Médio, proporcionará o enriquecimento acadêmico e crescimento pessoal dos participantes por meio de atividades que desenvolvem e aprimoram habilidades e competências como criatividade, colaboração, inovação, trabalho em equipe, pensamento crítico, entre outras.

Um grupo de aproximadamente 300 alunos do colégio foi convidado para participar dessa oportunidade única. Segundo a diretora da Área Internacional, Giane Goulart, o critério de seleção foi o desempenho acadêmico e o perfeito domínio do idioma inglês.

O convite ocorreu em uma reunião com as famílias no dia 05 de junho. A apresentação foi realizada toda em Inglês pela equipe responsável pelo projeto, composta por Hallie Bodey (Assistant Director of International Programs Stanford University), Vivian Galkys (Country Manager Brazil EduExplora) e Arie Rapaport (Director of International Programs EduExplora).

O Programa

O programa é dividido em três etapas. A primeira, prevista para junho deste ano, é o “Talent Search”, exame de escrita em Inglês e/ou Matemática e Lógica, que busca identificar, desafiar e reconhecer os talentos acadêmicos. A premiação dos alunos destaques acontecerá em outubro, com a presença de diretores de Stanford.

A segunda etapa é o “Honors Academies”, programa de duas semanas de aprofundamento em uma matéria específica, que traz a equipe de Stanford ao Brasil para aplicar a metodologia inovadora e interativa dos cursos intensivos da universidade à alunos de todas as idades. O “Honors Academies” acontecerá entre 13 e 24 de janeiro de 2020, em uma universidade na cidade de São Paulo.

Já a terceira e última etapa, a que mais aguça a curiosidade dos alunos, é o programa “Stanford International Institutes”: uma imersão de duas semanas como “estudante” no campus de Stanford, em Palo Alto, Califórnia, prevista para julho de 2020. Nesse período, os participantes terão a oportunidade de estudar disciplinas como Design Thinking & Innovation, Leadership, Cross-Cultural Communication, Logic & Problem Solving, Anthropology, International Relations, Neuroscience, Environmental Science Biomedical Technology, Math Explorations, Robotics, Artificial Intelligence, Data Science, entre outras.

Além de todos os benefícios acadêmicos que o projeto oferece, destacamos a experiência pessoal de morar no campus, em dormitórios nos quais os alunos de Stanford residem durante o ano acadêmico, a oportunidade de participar do Painel de Discussão e do Colégio de Admissão, para entender o processo de admissão em universidades nos EUA, além de aprender a criar um portfólio de faculdades e descobrir recursos disponíveis para estudantes internacionais.

Toda a programação, que envolve workshops diários sobre diversos temas e experiências multiculturais, foi desenvolvida para oferecer aos participantes a oportunidade de descobrir novos interesses e expandir seus horizontes, além de compartilhar sua cultura e história enquanto aprendem sobre a de outros países.

Segundo Giane Goulart, esta é a oportunidade dos alunos ampliarem seus conhecimentos acadêmicos e desenvolvimento pessoal. “Os benefícios de projetos assim são para a vida toda. Um intercâmbio como esse abre a mente, amplia conhecimentos e é a chance para se tornar um cidadão global”, diz.