NOTÍCIA

Cientistas Mirins participam do projeto em colaboração direta com a NASA
Publicado em 21/11/19 por Depto. de Marketing

As aulas do curso extracurricular Cientista Mirim, ministradas pela pela professora Diana Ribas, acontecem uma vez por semana em nosso laboratório e nelas os estudantes têm a oportunidade de atuar como cientistas, através de experimentos e atividades que promovem o espírito investigativo.

No último mês, os alunos participaram de um projeto de Ciência Cidadã, no qual puderam colaborar diretamente com uma pesquisa desenvolvida pelo Laboratório de Propulsão a Jato da NASA (JPL/NASA). Neste projeto, os colaboradores voluntários auxiliam a monitorar as mudanças que ocorrem no relevo da superfície do planeta Marte: sinais de atividade superficial recente e que ainda estão acontecendo, como por exemplo novas crateras criadas através do impacto de meteoritos. E, após contribuírem com uma pesquisa científica real, vinculada a uma instituição que desenvolve pesquisas de alto nível, na aula seguinte, conversaram, via videoconferência, com a cientista e pesquisadora Dra. Ana Carolina Souza Ramos de Carvalho, vinculada ao Laboratório de Astrobiologia do Instituto de Química da USP.

Segundo a Profª. Diana, os estudantes estavam bastante entusiasmados para a conversa. Sob a orientação dela, elaboraram perguntas para elucidar curiosidades como "você acha que existe vida em Marte?" e "como surgiu a vida na Terra?".

Para a coordenadora da área de Ciências, Profa Michele Rascalha, que esteve no laboratório e acompanhou a atividade, iniciativas desse tipo aproximam os estudantes do mundo da pesquisa científica e seus profissionais, além de oportunizar a participação ativa em projetos colaborativos promovidos por grandes instituições por meio da Ciência Cidadã. “No caso da videoconferência com a Dra. Ana Carolina, que realiza pesquisas na área de Astrobiologia, foi notável o grande interesse dos alunos por essa abordagem do estudo da vida em seu contexto cósmico e não somente terrestre, o que promove uma percepção mais clara do quanto as diferentes disciplinas se relacionam e contribuem umas com as outras para que novos conhecimento sobre a natureza sejam construídos”, diz.